Arquivos Mensais: setembro 2010

Compra de moedas para coleção

Hoje aproveitei o domingo e fui de metrô até feirinha da Praça da República, procurar moedas para tentar completar a minha coleção de moedas brasileiras.

Lá tem umas 10 barracas só de moedas, cédulas e selos, tanto brasileiros quanto do resto do mundo inteiro.

Comprei 13 moedas, a maioria por R$ 0,50, algumas por R$ 1,00 e uma de R$ 0,10 por incríveis 8 reais (que eu já tive mas meu irmão fez o favor de gastar)!

10 centavos de Real - 50 anos da FAO

10 centavos de Real - 50 anos da FAO

Aproveitei e comprei também 4 folhas de plástico para colocar moedas, pois guardar as moedas nos potes de filme de máquina fotográfica é terrível!

As moedas que comprei foram:

Cruzeiro Novo

  • 1 centavo de cruzeiro novo (1969)

Cruzeiro (primeira série)

  • 10 centavos de cruzeiro em cruproníquel (1970)
  • 20 centavos de cruzeiro em curproníquel (1970)
  • 1 cruzeiro em níquel (1970)
  • 1 centavo de cruzeiro da campanha Alimentos para o Mundo (1975)
  • 2 centavos de cruzeiro da campanha Alimentos para o Mundo (1975)
  • 5 centavos de cruzeiro da campanha Alimentos para o Mundo (1977)

Cruzeiro (terceira série)

  • 100 cruzeiros (1986)

Cruzado

  • 1 centavo (1986)
  • 5 centavos (1986)

Cruzado Novo

  • 1 cruzado novo (1989)

Cruzeiro

  • 5.000 cruzeiros (1992)

Real (primeira série)

  • 10 centavos 50 anos da FAO (1995)

Domingo que vem volto lá pra tentar conseguir as 16 que faltam. Hoje cheguei meio tarde e algumas barracas já estavam fechando.

Moedas Brasileiras

Quando era criança comecei a colecionar moedas brasileiras. Cruzeiro, Cruzeiro Novo, Real, Cruzado… era fácil colecionar moedas naquela época.

20 Cruzeiros - Ano que nasci, cidade que nasci

20 Cruzeiros - Ano que nasci, cidade que nasci

Segundo o site do Banco Central, as seguintes moedas já existiram no Brasil:

  • Réis (Império – 1822)
  • Réis (República – 1889)
  • Cruzeiro (1942)
  • Cruzeiro Novo (1967)
  • Cruzeiro (1970)
  • Cruzado (1986)
  • Cruzado Novo (1989)
  • Cruzeiro (1990)
  • Cruzeiro Real (1993)
  • Real (1994)

Eu tenho a maioria das moedas a partir de Cruzeiro Novo, algumas poucas de Réis ou do primeiro Cruzeiro.  Não tenho nenhuma de prata ou ouro.

Hoje eu lavei todas e nas de aço inoxidável eu fiz o processo químico de limpeza com vinagre branco/limão/sal e bicarbonato de sódio.

Quero ver se compro um folder para guardar as moedas e conservá-las assim, brilhando…

Alguns sites com as listas de moedas brasileiras:

Tem ainda um livro chamado As Moedas Contam a História do Brasil com a lista (e a história) de todas as moedas que já tivemos.

As moedas várias moedas que faltam em minha coleção (a partir do Cruzeiro Novo) e quanto elas costumam custar:

Cruzeiro Novo

  • 10 centavos de cruzeiro novo (1967) – R$ 1,00
  • 20 centavos de cruzeiro novo (1967) – R$ 1,00
  • 50 centavos de cruzeiro novo (1967) – R$ 2,00

Cruzeiro (primeira série)

  • 1 centavo de cruzeiro (1975) – R$ 3,00
  • 2 centavos de cruzeiro (1975) – R$ 3,00
  • 5 centavos de cruzeiro (1975) – indisponível
  • 1 cruzeiro do Sesquicentenário da Independência (1972) – R$ 2,00

Cruzeiro (segunda série)

  • 1 centavo de cruzeiro da campanha Alimentos para o Mundo (1985) – R$ 5,00
  • 5 centavos de cruzeiro da campanha Alimentos para o Mundo (1985) – R$ 6,00

Cruzado

  • 100 cruzeiros Centenário da Abolição da Escravatura – homem (1988) – R$ 5,00
  • 100 cruzeiros Centenário da Abolição da Escravatura – mulher (1988) – R$ 5,00
  • 100 cruzeiros Centenário da Abolição da Escravatura – criança (1988) – R$ 5,00

Cruzado Novo

  • 1 cruzado novo (1989) – R$ 3,00

Cruzeiro

  • 5.000 cruzeiros (1992) – R$ 5,00

Real (segunda série)

  • 2 reais comemorativa XV Jogos Pan-americanos (2007) – R$ 30,00
  • 2 reais comemorativa Centenário da Imigração Japonesa (2008)-  R$ 60,00

Como limpar moedas

Agora eu tenho uma penquena coleção de moedas britânicas e de euro, como já disse nesse post.

No entanto a maioria das moedas estão bem encardidas e eu gostaria de limpá-las.

Todos os colecionadores de moedas pregam que nunca deve-se limpar uma moeda, pois isso retira a pátina que se acumulou durante anos ou décadas na moeda, reduzindo seu valor para colecionadores em aproximadamente 90%. Sem contar que também retira a proteção natural criada durante a cunhagem.

Como não sou um colecionador sério, as moedas são mais lembranças de viagem que qualquer outra coisa, resolvi limpá-las.

Após pesquisar na Internet, achei três sites interessantes:

Adaptei os procedimentos dos dois sites em inglês e fiz o seguinte:

  1. lavei as moedas com água corrente e detergente (de lavar louça)
  2. fiz uma solução de vinagre branco, sal e suco de limão, deixei as moedas lá por aproximadamente 2 minutos
  3. lavei novamente as moedas com água corrente e detergente
  4. passei um pouco de limpa-inox para tentar dar um brilho
  5. lavei novamente com água corrente e detergente
  6. passei em uma pasta grossa de bicabornato de sódio e água
  7. lavei de novo

Nas moedas de cupro-níquel (as prateadas) o resultado foi excelente. Nas revestidas de bronze ou ouro nórdico (as douradas) elas perderam bastante a cor dourada e ficaram meio opacas. Nas revestidas de cobre (as alaranjadas) a limpeza foi incrível, mas elas ficaram meio rosadas.

Na primeira fila da linha abaixo tem moedas que não foram limpas. Na segunda linha tem moedas que foram limpas pelo método acima e na última linha algumas moedas novas, não-limpas.

Limpeza de moedas

Limpeza de moedas

Cada moda tem uma composição metálica diferente, gerando cores diferentes, conforme lista abaixo:

Libras (Reino Unido)

  • one penny e two pence – aço (ferro e carbono) revestido de cobre
  • five pence, ten pence e fifty pence – cuproníquel (75% de cobre e 25% de níquel)
  • twenty pence – 84% de cobre e 16% de níquel
  • one pound – 70% de cobre, 24,5% de zinco e 5,5% de níquel
  • two pounds – 76% de cobre, 20% de zinco e 4% de níquel (anel esterno) / cuproníquel (centro)

Euro (Zona do Euro na Europa)

  • one cent, two cents e five cents – aço revestido de cobre
  • five cents, ten cents e twenty cents – 89% de cobre, 5% de alumínio, 5% de zinco e 1% de estanho
  • one eurolatão niquelado (75% de cobre, 20% de zinco e 5% de níquel) (anel esterno) / sanduíche de cuproníquel, latão niquelado e cuproníquel (centro)
  • two euro – cuproníquel (anel esterno) / sanduíche de latão niquelado, níquel e latão niquelado (centro)

Real (moedas antigas)

  • um centavo, cinco centavos, dez centavos, vinte e cinco centavos, cinqüenta centavos e um real – aço inoxidável

Real (moedas novas)

  • 1 centavo e 5 centavos – aço revestido de cobre
  • 10 centavos e 25 entavos – aço revestido de bronze (cobre e estanho)
  • 50 centavos (1998-2001) – cuproníquel (cobre e níquel)
  • 50 centavos (2002 em diante) – aço inoxidável
  • 1 real (1998 a 2001) – alpaca (cobre, níquel, estanho e prata) (anel externo) / cuproníquel (centro)
  • 1 real (2002 em diante) – aço revestido de bronze (anel externo) / aço inoxidável (centro)

Organização de Contatos

Meu pai tem 10 irmãos, todos ainda vivos e morando em Minas Gerais. A maioria em Conselheiro Lafaiete, mas alguns em Belo Horizonte, Catas Altas da Noruega e Piranga.

Apenas um dos irmãos tem e-mail, mas nem por isso eles deixam de se organizar e se reunem, pelo menos duas vezes por ano, na “fazenda” que era do meu avô. Meu pai tem em um pedaço de papel que carrega na carteira a data de nascimento e telefone de cada um deles, sempre ligando para desejar feliz aniversário, tanto aos irmãos quanto aos cunhados/cunhadas, sobrinhos, primos…

Irmãos em frente à Fazenda

Irmãos em frente à Fazenda

Essas reuniões são legais. Eles colocam as novidades em dia, contam causos do passado e vão integrando os filhos, netos e bisnetos à essa sadia tradição de família.

Aos meus 28 anos faço parte da denominada geração Y. Começamos a usar computador quando a Internet estava começando a surgir no Brasil. Uma geração intermediária entre todas as “pré-Internet” e as atuais, “pós-Internet”.

Não sei se todos nós dessa geração temos essa dificuldade ou se sou apenas eu, de organizar os contatos. Majoritariamente eu falo com eles por e-mail e telefone, mas eles estão em diversos lugares diferentes:

  • Lista de contatos do Celular (telefone)
  • Lista de contatos do GMail (e-mail)
  • Lista de folowing do Twitter (twitter)
  • Lista de contatos do Outlook (e-mail profissional)
  • Lista de amigos no Orkut (e-mail, telefone, aniversário, dados pessoais, etc.)
  • Lista de amigos no Facebook (e-mail, telefone, aniversário, dados pessoais, etc.)
  • Lista de contatos no LinkedIn (e-mail, empresa, dados profissionais)
  • Lista de contatos no Skype (telefone, e-mail, aniversário)
  • Lista de contatos no MSN/Live! (e-mail)
  • Lista de contatos em Grupos de Discussão (e-mail)
  • Lista de rostos no Picasa (e-mail)

São inúmeras redes diferentes, algumas vezes com diferentes e-mails para as mesmas pessoas. Se somar isso tudo devem chegar a uns 4.000 contatos, sendo que se agrupar por pessoas, sem repetir, chega-se a umas 800 pessoas. Acabo me comunicando com apenas umas 20…

Eu gostaria de ter uma única lista de pessoas, em um único lugar, onde fosse possível, de forma bem prática, incluir os diferentes e-mails, perfis em comunidades, telefones, dias de aniversário… Gostaria de sincronizar isso com meu celular, minha lista de contatos no GMail, os rostos das pessoas no Picasa, achar essas pessoas nas comunidades em que faço parte, sem ficar duplicando pessoas.

Tive essa dificuldade agora. Através do Picasa coloquei nome nos rostos das pessoas que estão nas fotos que tirei na época da faculdade e nas que tirei no meu último trabalho. Depois convidei todos que foram identificados para acessarem os álbuns com as fotos em que cada um está. O problema é que eu usei como base o e-mail que está no GMail. Para algumas pessoas eu não tinha e-mail, para outras tinha e-mail desatualizado… Então eu não convidei a “pessoa”, mas um “e-mail da pessoa” que eu achava que era o principal.

Assisti há um tempo uma apresentação do Paul Adams, “Senior User Experience Researcher” do Google, que falava de diversos níveis de “intimidade” entre os contatos, que eu concordo plenamente. Seria muito interessante se surgisse alguma iniciativa com essa abordagem, para organizar os contatos em “pessoas” e não em e-mails, telefones, nicknames, perfis…

Eu até já tentei utilizar dois softwares que tentam organizar os contatos, mas não conseguem: Gist e Etacts. Acho que o problema nesse caso é eles importam a lista de contatos do Gmail e lá tem muito e-mail que não é contato, apenas enviamos algum e-mail pedindo orçamento de alguma coisa, confirmando pagamento de algum produto do Mercado Livre, informando que mandou um e-mail por engano, sem contatar os vários endereços e-mails de uma mesma pessoa…

Se você informatizar uma bagunça, só vai ter uma bagunça mais rápida.” – Professor do Zé Paulo

Trilha Sonora GunGirl 2

Hoje fiquei sabendo sobre um jogo gratuito chamado Gun Girl 2.

O que mais gostei nele foi a trilha sonora, um rock industrial com uma batida bem rápida.

O melhor foi descobrir que é possível fazer o download, também de graça, dos MP3 da trilha sonora dele!

%d blogueiros gostam disto: