Arquivos Mensais: dezembro 2004

Natal

A todos os leitores desse blog, um Feliz Natal e um próspero ano novo. A todos que me mandaram felicitações pelo Orkut, um Feliz Natal e um próspero ano novo. A todos que me ligaram, um Feliz Natal e um próspero ano novo. A todos que receberam meu cartão postal de Natal, um Feliz Natal e um próspero ano novo.

Mineiridade

Hoje fui na 25 (famosa rua do centro de São Paulo pelo comércio popular) pra comprar toalha de banho pra minha filhinha pra Marcela bordar e enquanto o vendedor me atendia perguntei a ele:

_ Você é mineiro?

_ Uai… sô sim! Como você descobriu?

_ Pelo sotaque!

Já faz tanto tempo que eu moro longe de Minas Gerais que consigo até perceber o sotaque mineiro! Não sei se eu percebo por ter perdido o meu sotaque ou por viver no meio de paulistas. Espero não perder nunca meu sotaque mineiro!

Otto Lara Resende

Achei um site chamado Rabisco que é super interessante. Segundo eles é uma revista de cultura pop. Vale a pena ler de vez em quando.

Nesse site achei uma resenha sobre Otto Lara Resende muito agradável de ler. Sobre esse escritor, de São João del-Rei já foi publicado até livro, o “Três Ottos por Otto Lara Resende“.

Esse post é pra falar que comprei o livro “O Braço Direito” em um sebo por R$ 18,00.

Notícias

Após um mês sem ler jornal, aqui as notícias da semana:

Westwood

Página interessante com a história da Westwood Studios, que criou jogos clássicos como Eye of the Beholder, Dune 2, The Legend of Kyrandia, Lands of Lore e Command & Conquer.

Dune

Estou lendo o livro de ficção científica mais lido de todos os tempos: Duna, de Frank Herbert. Lançado em 1965, após 7 anos de trabalho e 23 rejeições de editoras e com 13 milhões de cópias vendidas pelo mundo. Desde criança sempre quis ler esse livro mas nunca o fiz… cheguei a jogar o jogo Dune 2, de 1992. O primeiro jogo de estratégia que joguei, antes de Warcraft, Command & Conquer e Starcraft. Existem 6 jogos baseados no Duna.

O livro mistura ecologia, política, misticismo, religião, conspiração, táticas de guerrilha e de guerra. O Marchioro explicou muito bem essa parte. Também tem uma monografia escrita em 2003 na UnB intitulada Heróis da Areia – Uma leitura Freudiana e Jungiana de estórias de Heróis (Em especial da obra DUNA de Frank Herbert) que também é super interessante.

Já tinha assistido o filme e comprei há duas semanas o livro no Mercado Livre por R$ 45,00. Semana passada comprei o filme na versão extendida de 40 minutos, mas ainda não o assisti por completo. O início ficou bem bem explicativo.

Curiosidades:

A música “To Tame a Land” do Iron Maden é baseada no Duna, como mostra o trecho abaixo:

“To Tame A Land” é baseada na novela “Duna” de Frank Herbert. A canção aparentemente deveria se intitular “Dune” e Steve pretendia usar uma citação falada do livro como introdução. Por questão de cortesia eles pediram permissão ao agente de Frank Herbert, e a resposta veio do próprio Herbert: “Não. porque Frank Herbert não gosta de bandas de rock, particularmente bandas de heavy rock e especialmente bandas como o Iron Maiden.” Mesmo informado de que a banda achava que seria uma boa divulgação do livro “Duna” e tudo mais, Frank Herbert disse que se o Iron Maiden continuasse com isso iriam ser processados. Fonte: Whiplash

A música “Traveler in Time” do album “Tales From The Twilight World” do Blind Guardian também é baseada no Duna! Fonte: Whiplash

As músicas Heroes of Sand, do Angra e Sandrider, de Arjeen Anthony Lucassen, também são baseadas no Duna.

No Superfíficie Reflexiva tem um comentário sobre a série “Children of Dune”.

%d blogueiros gostam disto: