Arquivos Mensais: julho 2004

Windows XP Professional not professional?

Enabled by default if you’re using Windows XP Home Edition, Fast User Switching is also available on Windows XP Professional if you install it on a stand-alone or workgroup-connected computer. If you join a domain with a computer running Windows XP Professional, you cannot use Fast User Switching.” – Fonte: Windows XP Technical Overview

Linux power!

Esse é o primeiro post que faço a partir de um Linux conectado na Net por conexão discada! A disgraça do modem que o Clóvis me emprestou não está funcionando na placa mãe que eu comprei, com o Windows XP e o meu modem de 14.400 tá com o fio da tomada (ele é um modem externo) zoado.

Felizmente no Kurumin (em um mini-CD botável de 200mb) consigo conectar com o iBest, usar o Firefox 0.8 e um cliente de ICQ

Relâmpago

No Fórum PCs achei o seguinte post, do usuário Danca, falando sobre danos causados no computador.

Se o acidente que ocasionou os danos as placas veio pela fonte de energia da casa (tomadas e ligacoões eletricas), não importando se for raio ou defeito deles, é de responsabilidade da empresa de energia eletrica. Bate o pé q eles são obrigados a pagar. É o que em direito chamamos de responsabilidade objetiva. Ou seja não importa se o dano foi ou não provocado por eles (isso inclui omissão e atos), mas sim se houve dano e em havendo dano eles tem que pagar.

Se as empresas se negarem a pagar pelos danos, procure um Juizado Especial Civel que eles te darão todas as informações necessária para acionar a empresa sem nem mesmo vcs precisarem de um advogado.“

Óculos

Tenho óculos com armação Benetton, ‘Metal summer’ , segundo eles. As lentes são TFL Trio.

Como meu grau aumentou um pouco, tive de trocar as lentes, por outras lentes TFL Trio, que gostei bastante. No entanto, a ótica quebrou a ponte de minha armação…

Fim de semana

Neste fim de semana fui pra São João del-Rei. Cheguei na sexta às 6 da manhã, fiz o convite de aniversário do Gabriel, meu irmão, no Word e dormi até meio dia.

Minha vó teve uma fratura no fêmur, tá internada no Hospital e deve ter sido operada hoje pra colocar uma prótese. Na sexta de tarde fiquei no hospital, fazendo companhia a ela.

No sábado foi tudo corrido pra peraração do aniversário do Gabriel. Seria uma caçada do tesouro, com 3 equipes divididas por cores, recebendo tarefas e achando pistas pela casa, que levam ao baú com o tesouro! Foi super divertido ver a criançada correndo de um lado pra outro pela casa e no fim atacando o tesouro como se fosse mesmo um grande tesouro.

Domingo fui na casa do meu pai, vi minha avó novamente e assistimos a fita do salto de pára-quedas. Um agradável fim de semana com a família.

PDC

Na quarta e quinta feira eu participei do PDC e do TechEd, da Microsoft. Assisti palestras muito legais, outras nem tanto, mas valeu a pena pois o enfoque em .NET é muito grande e eu não conhecia tanto dessa plataforma de desenvolvimento.

Também foi legal pois ganhei muitas canetas, CDs de demonstração, uma impressora Lexmark Z605 (vale R$ 226,00), um Microsoft C# .NET 2003 Standart (vale R$ 395,00) e um Mini Mouse Optico IBM (vale R$ 174,00)…

Epifania

Esse fim de semana tive um momento epifânico. Assistindo uma
entrevista com o criador do Barbatuques, na TV Cultura, senti um
grande vazio por não estar fazendo nada criativo, não estar produzindo
nada, não estar colocando minhas idéias, todas relacionadas a
computação, em prática. Não estou fazendo o que gosto, que é aprender
e viajar na maionese com minhas idéias.

O que sou eu além de um computeiro maluco e idealizador, que tem como
revistas de cabeceira a “Scientifc American Brasil” e a “Pesquisa”, da
FAPESP? Nem ao menos sei tocar guitarra! Formado em Ciência da
Computação numa universidade que até alunos de universidades ótimas
daqui de São Paulo admiram, finalista da OBI no ano que entrei na
faculdade, finalista do Desafio Sebrae na primeira vez que joguei…
sempre gostei de desafios.

Sinto falta da correria da faculdade, dos trabalhos que tínhamos de
fazer e de todo aquela sede de conhecimento. Tanta novidade, tanta
coisa nova e quanto mais o tempo passava, mais percebia que eu não
sabia nada! Os amigos com os quais jogava papo fora, conversávamos de
inovações tecnológicas, vivíamos intensamente em bares, boates, noites
na casa de alguém, shows. Foram muitas as noites estudando Álgebra
Linear, Inteligência Artificial, tomando Coca-Cola e jogando
Counter-Strike. Eu crescia, aprendia, falava tudo que pensava, mesmo
que não entendessem ou discordassem, tinha com quem trocar idéias. Era
uma vida intensa que me deixava intelectualmente ocupado. Cadê o
Kicho, o Carlos, o Franssatto, o Clóvis pra eu viajar nas minhas
idéias?

O início do trabalho em uma grande empresa é assustador. Várias
pessoas falando de MBA, certificações Oracle, Microsoft, Cisco e você
se sente um inútil incapacitado. Depois de algum tempo vem a
resignação: vou programar quietinho aqui e aprender bastante o negócio
pra depois virar um analista!

Eu não sou um programador medíocre que fez processamento de dados e
acha o VB uma ótima linguagem! Sou um cientista da computação que quer
fazer um site de árvore genealógica em Lisp, que pensou em criar um
DNS dinâmico por P2P, que quer colocar pizzarias e supermercados
vendendo pela Internet,

Gostaria de ter feito mestrado, mas eu já havia morado 3 anos em São
Carlos as custas de meu pai, queria começar um estágio para poder
ganhar meu próprio dinheiro. Não me arrependo, estou em uma ótima
empresa que se não tivesse entrado no processo de seletivo, talvez
nunca soubesse que é uma empresa tão boa de se trabalhar.

Vendi meu micro antigo e comprei um novo. Daqui a 15 dias chegam as
memórias. Poderei finalmente usar um micro sem que ele trave de i =
4+rand(180) em i minutos!

Happiness!!!

A Marcela me ligou! :)))))

%d blogueiros gostam disto: