Java faz, .Net corre atrás

O Java da Sun (atualmente Oracle) nasceu em 1995 e vem evoluindo desde então. Tem como principais ambientes de desenvolvimento o NetBeans da Sun (atual Oracle), o Eclipse da Eclipse Foundation, o InteliJ da JetBrains e o o JDeveloper da Oracle.

O Framework .NET da Microsoft que tem o C# como carro chefe nasceu 7 anos depois, em 2002, com algumas melhorias em relação ao Java, muitas das quais o Java acabou incorporando em versões posteriores. A evolução da linguagem foi bem rápida, tendo o Microsoft Visual Studio como o ambiente padrão de desenvolvimento.

Nos anos nos quais Java dominava sozinho a base de usuários e novas APIs prosperou. Quando o C# entrou na briga, trazendo consigo uma legião de Microsoft lovers entediados com o já ultrapassado Visual Basic 6, a briga ficou boa. Aqui tem uma lista de diferenças entre Java e C#.

Uma característica interessante que percebo hoje é que muitas das APIs para .NET são adaptações de APIs já existentes para Java. Isso é bom tanto para o mundo Java, que mantém o controle do design da arquitetura destas APIs quanto para o mundo .NET, que ganha de bandeija APIs com a mesma arquitetura robusta e confiável desenvolvida para Java.

Ao desenvolver um gerador de relatórios em C# .NET, utilizei diversas APIs oriundas do mundo Java:

Deixe um Comentário

0 Comentários.

Não fique de fora, dê sua opinião!

%d blogueiros gostam disto: