Tenho prova de Sistemas Operacionais hoje. Já pass…

Tenho prova de Sistemas Operacionais hoje. Já passei em Construção de Compiladores com 9,6 e Laboratório de Engenharia de Software com 7,8. Ainda falta ir em uma aula, fazer essa prova e dois trabalhos.

No primeiro ano o professor de português deu um texto em uma prova que a gente ficou até o fim do ano seguinte tirando prosa… acabei de receber ele do Tadeu:

Jaguardarte

Era briluz. As lesmolisas touvas

Roldavam e relviam nos gramilvos.

Estavam mimsicais as pintalouvas,

E os momirratos davam grilvos.

“Foge do Jaguadarte, o que não morre!

Garra que agarra, bocarra que urra!

Foge da ave Felfel, meu filho, e corre

Do frumioso Babassurra!”

Êle arrancou sua espada vorpal

E foi atrás do inimigo do Homundo.

Na árvora Tamtam êle afinal

Parou, um dia, sonilundo.

E enquanto estava em sussustada sesta,

Chegou o Jaguadarte, ôlho de fogo,

Sorrelfiflando através da floresta,

E borbulia um riso louco!

Um, dois! Um, dois! Sua espada mavorta

Vai-vem, vem-vai, para trás, para diante!

Cabeça fere, corta, e, fera morta,

Ei-lo que volta galunfante.

“Pois então tu mataste o Jaguadarte!

Vem aos meus braços, homenino meu!

Oh dia fremular! Bravooh! Bravarte!”

Êle se ria jubileu.

Deixe um Comentário

0 Comentários.

Não fique de fora, dê sua opinião!

%d blogueiros gostam disto: