Telefonia parte I

O site da Anatel é uma zona!!

Em Julho do ano passado, no Brasil tinham 9.247.290 celulares pós-pago e 21.790.536 celulares pré-pago, sendo que 3,29% utilizavam tecnologia AMPS, 62,86% TDMA, 33,34% CDMA e 0,51% GSM.

Um ano depois, o número de celulares pós-pago subiu para 10.375.959 e o de celulares pré-pago para 28.444.701. A tecnologia utilizada agora está dividida em 2,02% para AMPS, 58,04% para TDMA, 30,80% para CDMA e 9,04% para GSM.

Com esses dados é possível constatar que o número de celulares de plano pré-pago é o que mais aumentou e que GSM vem ganhando mais força, já passando AMPS (que é ultra ultrapassado e tente a sumir). TDMA e CDMA perderam um pouco do Marquet Share, mas continuam fortes.

Há um ano, era utilizado primariamente o “Serviço Móvel Celular – SMC” e agora está acontecendo uma migração para o “Serviço Móvel Pessoal – SMP”. É por causa dessa modificação que agora temos de utilizar o Código de Longa Distância no celular.

Sobre o SMP, as operadoras têm tarifas distintas para os 4 tipos de serviços diferentes:

I- chamada, originada ou terminada no SMP, dentro de uma Área de Registro do SMP;

II- chamada, originada ou terminada no SMP, entre Áreas de Registro do SMP cujos primeiros dígitos do Código Nacional – CN sejam idênticos;

III- chamada, originada ou terminada no SMP, entre Áreas de Registro do SMP cujos primeiros dígitos do Código Nacional – CN sejam distintos;

IV- chamadas internacionais.

Deixe um Comentário

1 Comentários.

Não fique de fora, dê sua opinião!

%d blogueiros gostam disto: