Ditadura

Ontem tropas dos Estados Unidos mataram os dois filhos de Saddam Hussein, Uday e Qusay. Abaixo, trechos de uma reportagem do The New York Times:

Soldados da 101ª Divisão Aerotransportada, assim como das Forças de Operações Especiais, ordenaram aos dois que se rendessem e tiveram como resposta uma rajada de fogo de armas leves, disse em entrevista à imprensa, na noite de terça-feira, o general Ricardo S. Sanchez, comandante das tropas terrestres norte-americanas no Iraque.

Um oficial militar graduado disse que helicópteros Apache, aviões A-10 “Warthogs” e aeronaves de caça estacionadas em porta-aviões foram chamados para prestar apoio aéreo à operação.

Okay… nem no período ditatorial do Brasil o governo utilizava de tanta força para eliminar seus opositores políticos.

O Bush abdicou de toda ideologia democrática e ordenou a invasão do Iraque ignorando a opinião do resto do mundo e até mesmo a da ONU. Criou uma guerra contra o Iraque e agora mantém um regime militar “provisório” no comando do país. O pequeno(?) descontatamento popular dos Iraquianos contra a invasão é reprimido com rajadas de tiros e 150 mil soldados estadunidenses no país. Se isso não for ditadura, reescrevam todos os livros de História pois está tudo errado!

Deixe um Comentário

1 Comentários.

  1. DITADURA DA BURGUESIA E DO IMPÉRIO DO CAPITAL DISFARÇADA DE “DEMOCRACIA”.
    Na realidade a Democracia ainda é uma grande utopia. A verdadeira Democracia ainda não existe. A Democracia não são apenas eleições mas também a possibilidade real da totalidade da grande maioria absoluta da população influir, participar e decidir. Não existe modelo autêntico ou forma perfeita ou modelo exemplar de Democracia, pois cada povo busca construir a democracia de acordo com as suas próprias realidades sociais, politicas e econômicas visando sempre assegurar sua soberania e independência nacional. É preciso pensar bem no que seja realmente de fato uma verdadeira Democracia. Assim sendo a vontade de um povo tambem pode ser constituida e construida para desenvolver a Democracia quando acontece de dezenas de milhões de pessoas chegarem a conclusão de que não se pode continuar mais a viver assim e desta forma escolhem o caminho da Revolução Social e de Libertação Nacional. Os Estados Unidos da América que se julgam os campeões de “Democracia” por exemplo não passam de uma grande Ditadura da Burguesia e do Capital Monopolista; ditadura essa que não permite nenhuma ameaça ao seu domínio que não pode ser contrariada e nem ter oposição; pois o capital e os interesses da burguesia em primeiro lugar e tem que ser defendida a qualquer custo. A dita “Democracia” nos Estados Unidos da América não passa de uma grande fraude um engodo, uma farsa, um faz-de-conta apenas para dizer e enganar. Toda ruidosa propaganda de “Democracia” nos Estados Unidos da América não é senão uma capa fina por traz do qual fica cada vez mais difícil de não esconder a Grande Ditadura Burguesa do Capital Monopolista; e toda “liberdade de expressão e manifestação” que é propagada pelos estadunidenses vai até o momento que não afete e nem contrarie os interesses da Burguesia e do Capital. Os Imperialistas dos EUA que usam por estratégia as duas palavras consideradas chave “Liberdade e Democracia” que dizem ser defensores desses dois ideais, e que quando usadas politicamente apenas passam de “fachada” para encobrir todos os seus atos de agressões e ambições Imperialistas de dominação do mundo. Existem nos Estados Unidos da América apenas dois partidos grandes que se revezam e se perpetuam no poder a anos e representam os interesses do grande capital, e deveria haver nos EUA outros partidos de novo tipo com ideias novas diferentes e rejuvenescidas. Pois o Partido Democrata e o Republicano que são dois partidos do Grande Capital Monopolista e um pelo outro é a mesma coisa e não acrescentam em nada, os dois simulam que fazem oposição um ao outro, são farinha do mesmo saco, é como trocar seis por meia dúzia, os dois contribuem sobremaneira para diminuir a influência de outros partidos, e até ajudam a manter o povo prisioneiros na Ideologia da Burguesia. Os eleitores são enganados de forma eficaz ao pensarem que votando em um ou outro desses dois partidos haverá mudanças mas nada acontece, e basta que se observe no que ocorre na politica de prepotencia dos Estados Unidos da América quando ficam criando pretextos para dominar o mundo através da força bruta hostil, belicista, agressiva e terrorista. Os dois partidos que tem grande espaço nos meios de Comunicação Social e nas Agências de Publicidade e é exatamente essas que se encontram sob o domínio da classe dominante, que embora menor é toda poderosa .
    É bem verdade que nos EUA existem outros partidos mas que não tem a mínima chance de concorrer com esses dois, isso porque a Legislação dos EUA dificulta no máximo a participação de outros partidos nas eleições inventando inúmeros subterfúgios e obstáculos jurídicos entre eles por exemplo, a necessidade de recolherem muito milhares de assinaturas num prazo curto realizada em presença de testemunhas e registradas notoriamente a obtenção de Licenças para os coletores de Assinaturas,etc. E mesmo se os outros partidos conseguirem vencer todas as barreiras, as comissões eleitorais privam-nos frequentemente da possibilidade de participarem nas eleições sob o pretexto de as “assinaturas serem ilegíveis” ou outro qualquer pretexto inventado. O povo de cada país tem direito de lutar pela sua soberania e Libertação Social e Nacional. Alguns países que tentam tornar-se livres, soberanos e independentes e que buscam seguir um caminho na construção do desenvolvimento democrático conforme a sua realidade politica e social. O governo que não fizer o que os estadunidenses querem , esse governo é rotulado de Ditadura pelo Império. Os estadunidenses tentam de todas as formas se passarem por Paladinos da “Liberdade e Democracia” para dizerem que são defensores desses dois ideais, e até usam isso para invadir países que não queiram ficar de “joelhos” e sob seu controle e dominio, dizendo-se que vão levar esses ideais. Os Imperialistas dos EUA que invadem países para se apossarem e saquearem as riquezas naturais, objetivando aumentar seu poderio, fortalecer sua economia e aumentar sua influência. Os Imperialistas dos EUA que usam de maneira estratégica as duas palavras consideradas chave “Liberdade e Democracia” mas se algum povo realmente desejar ser livre, independente e soberano; e optar em construir o seu desenvolvimento para adaptar a sua realidade politica e social e com isso venha contrariar os interesses do Império dos Estados Unidos da América; a tão propalada “liberdade e Democracia” que os Imperialistas tanto afirmam defender, deixa logo de existir, e vem perseguições, golpes, massacres,torturas, repressões e guerra.

Não fique de fora, dê sua opinião!

%d blogueiros gostam disto: