Duas visões de um mesmo mundo

9 de Junho de 1999, 3º ano do 2º Grau, 17 anos

Redação segundo o tema do vestibular da Fuvest de 1991:

Há um conto de H. G. Wells, chamado “A terra dos cegos”, que narra o esforço de um homem com visão normal para persuadir uma população cega de que ele possui um sentido do qual ela é destituída; fracassa, e afinal a população decide arrancar-lhe os olhos para curá-lo de sua ilusão.

Redação

Discuta a idéia central do conto de Wells, comparando-a com a do ditado popular “Em terra de cego quem tem um olho é rei”. Em sua opinião essas idéias são antagônicas ou você vê um modo de conciliá-las?

A temática do conto de Wells apenas reforça o ditado popular que diz: “Só acredito se ver com meus próprios olhos.”. A população cega não consegue ver no homem que ele não é destituído de visão, eles não acreditam que possa existir alguém diferente deles, alguém que possa ver. Para acabar com a loucura deste homem, arrancam-lhe os olhos.

No ditado popular “Em terra de cego quem tem um olho é rei”, o homem dotado de uma qualidade que o resto da população não tem é superior em relação aos outros. O homem com visão é tão superior que passa a exercer influência ou, até mesmo, controle sobre as pessoas tidas como normais, destitiuídas de visão.

Aparentemente, as duas temáticas são completamente contrárias, no conto de Wells, o homem dotado de uma qualidade a mais é castigado, enquanto que no ditado popular, este homem recebe privilégios, é beneficiado. As idéias principais são antagônicas, mas existem alguns pontos em que as idéias são semelhantes.

Em ambos os casos, tanto no conto quanto no ditado, o fato ocorre em um local onde só existem cegos, que são considerados normais, aparece um homem que tem uma qualidade a mais, a visão. O dois homens têm uma qualidade que os tornam superiores aos outros, mas as semelhanças acabam por aí. No conto, este homem tenta convencer os outros de que pode ver, enquanto que no ditado popular o homem aproveita sua visão para se beneficiar.

Tanto o ditado popular quanto o conto, partiram do mesmo princípio básico, um homem dotado de visão em terra de cegos, mas durante a exposião dos fatos, percebe-se que a idéia defendita pelos dois textos são antagônicas.

Comentário da professora:

Você apenas explicou os dois textos, mas não analisou o tema deles!

Deixe um Comentário

0 Comentários.

Não fique de fora, dê sua opinião!

%d blogueiros gostam disto: