Pensamentos quase póstumos

Luciano Huck: Entregue sua armaSegunda feira fomos agraciados com um artigo do Luciano Huck (é, aquele apresentador do Caldeirão do Huck) no caderno Opinião da Folha de São Paulo (acesso restrito para assinantes Folha ou clientes UOL). Ele foi assaltado na quinta feira passada ao parar em um semáforo da rua Dr. Renato Paes de Barros.

É muito bom. Vou postar aqui na íntegra:

Pensamentos quase póstumos
Luciano Huck

Pago todos os impostos. E, como resultado, depois do cafezinho, em vez de balas de caramelo, quase recebo balas de chumbo na testa

LUCIANO HUCK foi assassinado. Manchete do “Jornal Nacional” de ontem. E eu, algumas páginas à frente neste diário, provavelmente no caderno policial. E, quem sabe, uma homenagem póstuma no caderno de cultura.

ão veria meu segundo filho. Deixaria órfã uma inocente criança. Uma jovem viúva. Uma família destroçada. Uma multidão bastante triste. Um governador envergonhado. Um presidente em silêncio.

Por quê? Por causa de um relógio.

Como brasileiro, tenho até pena dos dois pobres coitados montados naquela moto com um par de capacetes velhos e um 38 bem carregado.

Provavelmente não tiveram infância e educação, muito menos oportunidades. O que não justifica ficar tentando matar as pessoas em plena luz do dia. O lugar deles é na cadeia.

Agora, como cidadão paulistano, fico revoltado. Juro que pago todos os meus impostos, uma fortuna. E, como resultado, depois do cafezinho, em vez de balas de caramelo, quase recebo balas de chumbo na testa.

Adoro São Paulo. É a minha cidade. Nasci aqui. As minhas raízes estão aqui. Defendo esta cidade. Mas a situação está ficando indefensável.

Passei um dia na cidade nesta semana -moro no Rio por motivos profissionais- e três assaltos passaram por mim. Meu irmão, uma funcionária e eu. Foi-se um relógio que acabara de ganhar da minha esposa em comemoração ao meu aniversário. Todos nos Jardins, com assaltantes armados, de motos e revólveres.

Onde está a polícia? Onde está a “Elite da Tropa”? Quem sabe até a “Tropa de Elite”! Chamem o comandante Nascimento! Está na hora de discutirmos segurança pública de verdade. Tenho certeza de que esse tipo de assalto ao transeunte, ao motorista, não leva mais do que 30 dias para ser extinto. Dois ladrões a bordo de uma moto, com uma coleção de relógios e pertences alheios na mochila e um par de armas de fogo não se teletransportam da rua Renato Paes de Barros para o infinito.

Passo o dia pensando em como deixar as pessoas mais felizes e como tentar fazer este país mais bacana. TV diverte e a ONG que presido tem um trabalho sério e eficiente em sua missão. Meu prazer passa pelo bem-estar coletivo, não tenho dúvidas disso. Confesso que já andei de carro blindado, mas aboli. Por filosofia. Concluí que não era isso que queria para a minha cidade. Não queria assumir que estávamos vivendo em Bogotá. Errei na mosca. Bogotá melhorou muito. E nós? Bem, nós estamos chafurdados na violência urbana e não vejo perspectiva de sairmos do atoleiro.

Escrevo este texto não para colocar a revolta de alguém que perdeu o rolex, mas a indignação de alguém que de alguma forma dirigiu sua vida e sua energia para ajudar a construir um cenário mais maduro, mais profissional, mais equilibrado e justo e concluir -com um 38 na testa- que o país está em diversas frentes caminhando nessa direção, mas, de outro lado, continua mergulhado em problemas quase “infantis” para uma sociedade moderna e justa.

De um lado, a pujança do Brasil. Mas, do outro, crianças sendo assassinadas a golpes de estilete na periferia, assaltos a mão armada sendo executados em série nos bairros ricos, corruptos notórios e comprovados mantendo-se no governo. Nem Bogotá é mais aqui.

Onde estão os projetos? Onde estão as políticas públicas de segurança? Onde está a polícia? Quem compra as centenas de relógios roubados? Onde vende? Não acredito que a polícia não saiba. Finge não saber.

Alguém consegue explicar um assassino condenado que passa final de semana em casa!? Qual é a lógica disso? Ou um par de “extraterrestres” fortemente armado desfilando pelos bairros nobres de São Paulo?

Estou à procura de um salvador da pátria. Pensei que poderia ser o Mano Brown, mas, no “Roda Vida” da última segunda-feira, descobri que ele não é nem quer ser o tal.

Pensei no comandante Nascimento, mas descobri que, na verdade, “Tropa de Elite” é uma obra de ficção e que aquele na tela é o Wagner Moura, o Olavo da novela. Pensei no presidente, mas não sei no que ele está pensando.

Enfim, pensei, pensei, pensei. Enquanto isso, João Dória Jr. grita: “Cansei”. O Lobão canta: “Peidei”.

Pensando, cansado ou peidando, hoje posso dizer que sou parte das estatísticas da violência em São Paulo. E, se você ainda não tem um assalto para chamar de seu, não se preocupe: a sua hora vai chegar.

Desculpem o desabafo, mas, hoje amanheci um cidadão envergonhado de ser paulistano, um brasileiro humilhado por um calibre 38 e um homem que correu o risco de não ver os seus filhos crescerem por causa de um relógio.
Isso não está certo.

Deixe um Comentário

31 Comentários.

  1. minha irma mudou a senha do meu orkut e agora eu nao sei a senha do meu orkut ”e el mudou a senha por que ela se acha a mandona a rainha da casa a mais esperta da casa a mais than than than” ”ela mudou a senha por que eu nao quiz falar pra ela por favor entre no meu orkut o e-mail è o dela È daisy_laure…

  2. ISSO É RIDICULO A COMEÇAR POR ESSE FRANCISCO GOMES IDIOTA RIDICULO PATETICO E UM PROTESTANTE DE MERDA PQ OS PROTESTANTES Q EU CONHEÇO NAO TEM ESSE TIPO DE COMENTARIO RIDICULO SOBRE O CATOLICISMO OLHE SUA VIDA E DEIXE A DO OUTRO EM PAZ POIS VC NAO SABE NADA DA VIDA E NADA SOBRE O PERDAO E O AMOR Q DEUS TEM PELOS PECADORES ISSO É PATETICOOOO

    ENFIM VOLTANDO AO ASSUNTO SOBRE O ASSALTO AO LUCIANO ELE SIM FEZ ALGUMA COISA NAO FICOU ACOSTUMADO COM A SITIAÇAO COMO UM PARASITA ELE PAGA AS CONTAS DELES ELE TEM TODO O DIREITO DE FAZER UM DESABAFO VIU ALICE SE VC ACHA Q NAO VER OS FILOS CRESCEREM É POUCO É UMA TEMPESTADENUM COPO DE AGUA ESPERA VC TER OS SEUS E UNS LADROES CHEGAREM PERTO DELE E ROUBAR BATER OU MATAR ELE VC VAI SENTIR A PERDA DE VERDADE PQ ACHO Q VC NEM SABE DO Q ESTAR FALANDO A REALIDADE É FRIA E CRUEL SIM MAS É NOJENTO E REPUGINANTESCOMO CERTOS TIPOS DE PESSOA FICAM ACOSTUMADOS COM ISSO POIS EU DIGO NAO QUERIDOS NAO ME ACOSTUMEI COM A SITUAÇAO QUERO Q MEU FILHO CRESCA NUM LUGAR DE PAZ SEI Q ISSO NAO VAI SER POSSIVEL POIS OS ELEITORES Q PODIAM ESTAR APOIANDO ALGUEM Q FEZ UM DESABAFO LINDO E INTELIGENTE PRA POLITICA PRA A SEGURANÇA! COMO TODOS VCS Q JA TIVERAM CELULAR,CARTEIRA OU OUTRO TIPO DE OBJETO ROUBADO DEVERIA FAZER ,SEI LA PROTESTO, CARTAS,BILHETES, E-MAIL ATE A JUSTIÇA SER A JUSTIÇA E A SEGURANÇA SER SEGURANÇA!

  3. Centenas de pessoas são assaltadas por dia, ele foi só mais um. Sim, é revoltante, mas fazer essa tempestade num copo d’agua por causa de um rolex é ridículo. Agora nos deparamos com esse texto patético porque um apresentador resolveu brincar de colunista…E acho bom ele comprar logo um carro blindado, São Paulo infelizmente é isso ai! Não é um texto que vai mudar a polícia, se ele quer fazer alguma coisa a respeito devia entrar pra PM pra ficar correndo atrás de ladrãozinho de rolex.

  4. Concordo com o Huck.
    Se nós pagamos impostos é absolutamente justo que benefícios mínimos como segurança pública seja retornados.
    Passar a mão na cabeça de marginais é coisa de esquerdista retardado, lugar de ladrão é na cadeia mesmo!!!

  5. Eh… Infelizmente por alguns destes comentários só resta uma solução….

    Chover 5 dias gasolina e cair um único raio… talvez depois haja alguma esperança de recomeço… a começar por Brasília…

  6. Senhores,
    Sou protestante e tenho vergonha de ser dessa CLASSE DE MÉRDIA de formaçao católica, pesarosa, sofre de um profundo sentimento de culpa. Boa parte dela adora tudo que é droga, hipócrita! Essa ligada ao setor público do PT e outras merdas similares, defensores da Teologia da Libertação, que é a união de Comunismo e Cristianismo (uma impossibilidade). Isso só é possível porque o Catolicismo é um cristianismo apócrifo.
    Em resumo esse pesar crônico que paira sobre a sociedade brasileira deriva da Mentalidade Caritativa Católica e é o Catolicismo Romano o maior impedidor do desenvolvimento humano. Antes de matar esses bandidos que não são insetos ainda, deveríamos começar pelos padres e freiras que são os grandes semeadores da miséria no Brasil.
    Francisco Gomes

  7. Excelente Roberto. Sintetizou tudo. Também já fui assaltado e tive alguns membros da minha família assaltado. Posso dizer que a situação é angustiante e até posso entender o desabafo do sr. huck. É terrível! Mas o fato é que a elite não é a única a pagar ‘fortunas’ de impostos. Violência sempre houve, assaltos, homicídios, etc, o problema é que as coisas aconteciam na periferia. Agora que chegou à elite, eles estão preocupados. Quantas mulheres ficaram viúvas e quanto s filhos ficaram sem conhecer seus pais na periferia?

    O que vou dizer é foda (desculpem o palavrão, mas não consigo me expressar com outra palavra) mas a concentração de renda exagerada que temos no brasil, país onde quem não tem nada, não tem NADA (saúde, educação, saneamento, coisas básicas para sobreviver) e quem tem muito, tem TUDO, inclusive direitos, leva a um tipo de distribuição de renda famigerado, através desses assaltos.

    Bem vindo ao mundo real, sr. huck, onde não existem Nascimentos e nem super heróis. Enquanto o mundo da elite era glamouroso e não era alcançado por assaltos como o que este, pessoas como você não se preocupavam, agora têm espaço na mídia para desabafar o absurdo de terem alvo da violência. Como pode, uma pessoa tão importante… que empurrem isso para a periferia novamente e deixem guardada lá.

    Em tempo, quando fui assaltado (2x já) não levaram o meu rolex, mesmo porque não tenho e nem posso me dar ao luxo de ter.

  8. Sem querer justificar atitudes como a dos assaltantes , porque a elite brasileira, incluindo ai, Sr Hulck, não se manifesta quando seus ” filhos’ queimam indios, ou espancam empregadas domésticas.Por quê?Alguém pode me responder???????

  9. RESPOSTA À MARIA

    Respondendo a Srª Maria, informo que participo ativamente do conselho de moradores de minha região aqui em Curitiba, temos reuniões frequentes com vereadores, cobramos melhoris em todos os sentidos, construímos um módulo para a polícia …Se isto é pouco pra vc me diga então O QUE VC FAZ. Abraço cordiais.

  10. Rubens Mendes Veloso Júnior

    Concordo plenamente Lívia, só quis dizer que apesar de tudo continuo querendo o Brasil para mim, no entanto, melhor do que ele é hoje!

    Já leu o comentário 14?

    abraço.

  11. Cuba é Cuba…
    Brasil é Brasil…
    Se a gente ficar olhando o “rabo” do vizinho e não se preocupar com o nosso, com o que queremos, nunca sairemos dessa marca de país emergente.

  12. Marcus Gonçalves

    Quero ver criticar o Luciano depois de ter um 38 encostado no meio da Testa! É fácil criticar uma pessoa como o Luciano, difícil é ter a grana que ele tem e ainda se preocupar com o futuro do País e fazer isso abertamente, se expondo ainda mais.

  13. Rubens Mendes Veloso Júnior

    O Brasil tem os seus prós e os seus contras!

    Afinal de contas, pensando bem, CUBA, parece não ter CONCENTRAÇÃO DE RENDA, porém, tem FIDEL CASTRO.

  14. Boa Talita… O que estamos fazendo com relação a isso ??
    Alguém se habilita?

  15. Eu não esperava receber tanto comentário com opiniões fundamentadas e argumentações sobre pontos de vista divergentes.

    Agradeço ter compartilhado sua opinião, pois inegavelmente esse é um ponto positivo do artigo: um empurrãozinho para nós pensarmos e discutirmos sobre a situação de nosso país.

  16. Livia, concordo com o que você disse referente a só se manifestar quando acontece com a gente, porque de fato, nós temos que levar o tapa na cara para realmente descobrir o quão grave está a situação ou para servir de aprendizado. Porém, no caso do Luciano Huck, ele ao menos vêm fazendo sua parte para ajudar com este problema e muitos outros que acarretam. Ele faz um trabalho com uma ONG.
    e nós, o que fazemos?

  17. Interessante esse texto feito pelo Luciano Huck, porém é engraçado como as pessoas (em sua grande maioria) só se manifestam a escrever um texto que seja somente quando a desgraça acontece pra eles.
    Concordo plenamente que no Brasil falta, política publica, educação, lazer e que isso deve ser cobrado sim, por nós brasileiros que estamos sujeitos a esse tipo de causalidade do dia a dia.

  18. Rubens Mendes Veloso Júnior

    Esta é a antiga e atual realidade do Brasil… não é novidade. Graças a Deus não aconteceu, porém você passou bem próximo à morte. Certamente agora está refletindo mais com relação a aproveitar melhor as coisas simples da vida e curtir mais os filhos e a mulher que “quase” deixou para trás… Certamente, quando topar, mesmo que de longe, com pessoas mal vestidas ou portadores de capacetes velhos, coitados, como você mesmo disse Luciano, irá cogitar profundamente do quanto é profundo e complexo o problema da concentração de renda exacerbada e assustadora existente neste País… Concentração de renda que certamente também passa por sua conta bancária e de sua esposa – quase viúva – Angélica… Vocês e as outras pessoas que têm milhões em suas contas bancárias, apesar de não ter culpa de serem ricos, após passar com “os pés junto à cova”, poderiam refletir um pouco mais quanto a todo o dinheiro que retém em suas mãos… Talvez você e sua esposa não estejam incluídos no rol dos que não ajudam, pois pelo que disse, parece ser presidente de uma ONG (não sei exatamente do quê), no entanto, muitos de seus colegas e amigos do mundo milionário se incluem…

    CONCENTRAÇÃO EXAGERADA DE RENDA, ESTE É UM DOS GRANDES E GRAVES PROBLEMAS DO BRASIL E DO MUNDO!!

    Abraços Huck e, a partir de agora, tome iniciativas mais rígidas e materiais, realmente eficazes, para ajudar os milhões de brasileiros que já passaram pela situação que você acabou de passar… Iniciativas que ajudem, principalmente, os familiares e amigos dos seus algozes (e eles mesmos) portadores de capacetes velhos e 38 carregados. Você tem mais poder que nós para isso. Use a influência que possui e vá em frente, siga seu caminho e aproveite mais a vida com seus filhos e a mulher linda que ama…

  19. ….realmente…, me arrependi de ler os comentarios dessa materia.
    Como podem criticar um texto desses…, meu deus, esquecam q o cara e famoso, poderia acontecer com qualquer um de vcs….., ou seus filhos…., e disso q o texto trata, acho q vcs precisam estudar mais interpretacao de texto e frequentar uma boa terapia…, na verdade por mim vcs podem morrer ou mudar de pais pq vcs sao ainda piores que os marginais q cometaram o assalto…….

  20. Roberto vc. disse que “Reclamar qualquer um raclama, agora tomar iniciativas é para poucos” quero saber quais são as iniciativas que você vem tomando e para ajudar a resolver estes problemas? Conte pra todos nós, afinal falar é fácil né.

  21. Concordo plenamente com a Edlene, brasileiro tem essa mania de recriminar todos que trabalham e venceram na vida, quer dizer que crime maior é a pessoa ter sucesso? E que quem tem sucesso não pode reclamar, se manifestar?! Isso é um absurdo! é por isso que as coisas estão como estão, porque as pessoas só sabem ficar filosofando sobre as coisas e não sabem como funcionam na prática. Esses caras que ficaram criticando o artigo do Luciano 1º são invejosos e 2º fazem parte daqueles “pseudos intelectuais” que na prática não ajudam em nada!!! VOCÊS DEVIAM SE INVERGONHAR!!! COM ESSA MENTALIDADE VAMOS SER PARA SEMPRE NÃO UM PAÍS DE 3º MAS DE 5º MUNDO!!! ACORDA BRASIL!!! Só mais uma coisa… será que esses falsos democratas se importarão de uma simples BRASILEIRA se manifestar?! Será que eu posso…

  22. Essa história de que “pago impostos” é discurso de burguês sem argumentos mais comvincentes. O problema é muito mais profundo, mas esse mala parece que só viu isso quando sentiu isso na própria pele, até então nunca tinha se manifestado com tanta eloquência. Com o espaço que ocupa na tv poderia ter feito muita coisa, mas pra que, nunca tinha acontecido com ele.Reclamar qualquer um raclama, agora tomar iniciativas é para poucos, e esse cara nunca foi de fazer nada neste sentido. Fazer programinha de carro velho, viajar pelo Brasil e dizer que está contribuindo é de dar risada. Dizer que a situação tá preta, que não se vê saída, pode deixar isso para o resto da populaçao, que sofre todos os dias com assaltos, miséria, fome, todo tipo de problema. E que pena ler opiniôes como a da Edilene, que ainda concorda com o que ele escreveu. Que pobreza de espírito , falta de visão realista e conhecimento dos verdadeiros problemas do país, e não dos que vem estampados nos jornais. Pensar e ter opiniões próprias não dó[email protected]

  23. ” É por isso que o Brasil não vai pra frente!”

    Frase batida não? Pois ela é a mais pura realidade!!!! Se ele é rico e você não se a mulher dele é gostosa e a sua não, morra de raiva! Mas isso não dar o direito nem a mim, nem a ninguém de privá-lo da sua indignação. Indignação aliás que é de todos!!! Quem tem que construir teses sobre os problemas socias do país são os cientistas com apoio do governo e não uma pessoa comum (pois é isso que ele é) como qualquer um de nós. Ele, se quisesse, poderia contratar um dos nossos policiais mal pagos e ter o rolex dele de volta e de quebra, tirar dois marginais da rua, pela bagatela de R$ 1.000,00, mas ao invés disso ele resolveu mostrar a sua indignação em um texto de revolta e tristeza, (como tanto de nós fazemos diariamente) pois por ser uma pessoa pública poderia ter algum impacto e o que é que eu vejo? Um monte de gente invejosa e egoísta que não ver que não consegue conter suas frustrações pessoais em prol do coletivo! Esses são os brasileiros! Mas eu digo e repito: É por isso que o Brasil não vai pra frente!!!

  24. Concordo plenamente com a Talita. É absoulutamente repugnante perceber que um cidadão (mesmo que não comum por razões óbvias) ao reclamar dos problemas do Brasil, seja criticado! Como assim?! Mas que inversão de valores é esta?!
    Parabéns ao Luciano Huck que, além de ser (ou demonstrar que é) uma pessoa sensata e honesta, teve a honra (e oportunidade) de escrever algo assim. Talvez se todos que tem uma voz ativa, ouvida e admirada por muitos, assim o fizesse, o barulho poderia ser maior do que a acomodação do povo como um todo, e talvez, ao invés de criticar negativamente, as pessoas levantaríam a bunda da cadeira para tentar fazer o mesmo e apoiar a causa.
    Lembrem-se: O país inteiro é corupto! É a lei de Gerson, o jeitinho Brasileiro. Não são apenas os políticos que afundam o país! O povo é cúmplice e conivente com isso, caso contrário, não estaríamos afundando desta forma.

  25. Gente!!!
    Vocês reclamam da situação em que o país se encontra e reclamam quando alguem mostra sua indiginação????
    Esse país tem que afundar mesmo!!!!! Quanta ignorância.
    Não há nada que me faça ter orgulho do Brasil, começando pelos brasileiros.

  26. Quando pagamos uma conta, quando compramos comida, todos pagamos impostos.
    Ele, Luciano, um cidadão que reclama dos governantes por ter passado por um expriência terrível, que todos podemos,passamos ou vamos passar se algo não for feito, ao invés de criticarmos deveríamos ser solidários. Ao invés disso o que leio? Até da esposa falaram, um absurdo… como somos invejosos…até do nariz…Nem reclamar o cara pode…
    Devíamos, todos reclamar juntos desse governo corrupto, tão ruim como o Collor …
    Como diria a Jovem Pan “Brasil o País dos impostos”
    Ele paga mais por que ganha mais,todos pagamos muito se olharmos o quando ganhamos, vejo qdo tem de imposto dio açucar,no leite, café,pão…
    O salário da policia é uma vergonha…
    Quem está feliz?

  27. Infeliz a colocação deste jovem.
    O nariz, ao invés de auxiliar na oxigenação, parece estar atrapalhando a visão periférica.
    Desperdiçou um ótimo momento para ficar com as mãozinhas bem distantes de um teclado de computador.

  28. Luciano tá cheio de razao. Nao é pelo fato dele ser uma pessoa bem sucedida, que pode ser assaltado…tipo “vao-se os aneis ficam os dedos”. É um sujeito trabalhador, honrado e como cidadao que paga seus impostos em dia tem todo o direito de exigir que algo seja feito contra a violencia no Brasil. E por ser um cidadao comum como nós que seu texto é um desabafo e nao aula de filosofia e sociologia…

  29. Um artigo sem pé nem cabeça. Diz logo no início que os assaltantes são pobres coitados, mas que deveriam estar na cadeia!? O problema da violência, como já disseram aqui, é complexo. Pagar imposto todo mundo paga, mesmo os assaltantes, qdo compram cigarro, cerveja, remédio, pasta de dente…
    E quanto à preocupação com a possível orfandade e viuvez, o Luciano pode ficar tranqüilo, pois iriam chover pretendentes a pai e marido (não necessariamente nesta ordem).
    Se eu fosse ele, providenciaria logo o carro blindado, para ele e a família. Grana para isso não falta.
    Nós, os ‘sem rolex’, é que não vemos luz no fim do túnel. Sim, porque também somos assaltados, nossos filhos correm o risco de ficarem órfãos, nossas mulheres correm risco de ficarem viúvas, com a agravante de que não seriam jovens viúvas gostosas e ricas.

  30. Me dá o 38 carregado que eu me encarrego da manchete.
    Pelo amor de Deus, apologia à tortura, tratamento minimalista de um problema grave e profundo como a violência.
    Esse ignorante merece mesmo manchete no Jornal Nacional.
    me dá, me dá o berro que eu faço o serviço. De graça. E sem precisar levar nenhum rolex.

  31. Texto ridículo como seu autor, tratando superficialmente de um tema que é absolutamente complexo. Não me incluam entre os “milhões” que ficariam consternados. O texto é um exemplo típico de como a alta burguesia brasileira lida com as questões: “pago impostos e quero que matem esses filhos da puta”. Quem não paga impostos pq não tem o que comer não é gente. Claro claro, compreendo…
    É uma pena, mas a manchete não será essa…

Não fique de fora, dê sua opinião!

%d blogueiros gostam disto: