Vivendo a vida

Eu nunca me preocupei em comemorar aniversários, em ver os anos passar. Acho que tive uma vida intensa, repleta de eventos que recordarei para o resto da vida.

Agora quando está perto de completar mais um ciclo eu me pergunto: quais foram minhas realizações? Continuam acontecendo, mas com uma freqüência inferior, incomparável com a da adolescência ou a da época da faculdade.

Recordo-me das boas lembranças da infância. Quando não estava aprontando alguma aventura, estava curtindo com meus pais.

Esse deve ser o segredo dos 30: curtir muito com os filhos, sair de casa pra andar de bicicleta, acampar, pescar, praticar esporte, nadar em cachoeira, visitar parentes, ir em exposições e parques…

Ficar em casa assistindo Faustão é para os fracos, a vida está acontecendo lá fora.

Deixe um Comentário

0 Comentários.

Não fique de fora, dê sua opinião!

%d blogueiros gostam disto: