De Barcelona para Madri

Estamos agora em Madri, no único hotel em que iremos ficar na viagem, o restante é tudo albergue.

Pela manhã, ainda em Barcelona, tomamos nosso café da manhã no Mercado de La Boqueria, em Las Ramblas. Suco de fruta e baguete com queijo e presunto. Esse mercado parece muito com o Mercadão de São Paulo, com a diferença de que é em uma área aberta, com uma portada principal, umas 3 vielas e uma rua que levam a esse espaço, rodeado de colunas romanas. Me falaram que as frutas na Europa são muito caras, mas nesse mercado até que não era. O quilo de banana, por exemplo, custa 1 euro.

Fomos para o aeroporto no Aerobus, chegamos com 1h30m de antecedência e não tivemos nenhum problema pra embarcar. O check-in na Vueling foi bem rápido e o avião estava até bem vazio em comparação com o avião lotado que peguei de Madri até Barcelona.

Chegou a dar um friozinho na barriga quando, chegando no aeroporto, vimos 5 caminhões de TV estacionados com aquelas antenas apontadas para o céu. Pensamos que o aeroporto estava fechado para voos, como ocorreu no domingo, mas felizmente estava aberto. Dentro do aeroporto tinha muita gente em filas aguardando liberar voos para o norte da Europa e muitos repórteres entrevistando pessoas. Está o caos aquilo lá!

Assim que chegamos no Hotel saímos pra almoçar e fazer um passeio da Gran Via, onde ele fica, até a Plaza de La Aemería, onde fica o Palay Real, passando pela Puerta del Sol e outras ruazinhas muito bacanas. Na volta demos uma passada na Plaça Mayor, que é um espetáculo, finalizando o dia com um café no Starbucks da Gran Via.

Deixe um Comentário

0 Comentários.

Não fique de fora, dê sua opinião!

%d blogueiros gostam disto: